quarta-feira, agosto 30, 2006

A Batalha do Amapá

ões de marketing de guerilha, on e off-line, represenções judiciais, censura, ampla repercussão na blogosfera e, aos poucos, na grande imprensa. Ganha ares épicos a batalha de informações no Amapá.

Em seus blogs, as irmãs Alcinea e Alcilene Cavalcante publicaram a foto da pixação Xô, Sarney,
que se espalhou pelas ruas de Macapá clamando pelo fim da era Sarney na política local.

O senador entrou com várias representações no TRE local, pedindo indenização, suspensão dos blogs e direito de resposta. Por ordem judicial, a página da Alcilene está fora do ar; Alcinea resiste bravamente e pela última contagem galhou adesão de 80 blogs Brasil a fora.

Na argumentação da coligação de Sarney, a síntese do choque do Brasil arcaico com a era dos blogs: "É inaceitável que indivíduos que se dizem jornalistas armem uma longa teia de comunicação na internet para a prática de crimes".

Pergunto: que crime, cara pálida? Subversão?

Xô, mesmo!

Nenhum comentário: