quinta-feira, outubro 06, 2005

Buzz anti-ético?

Para as turmas de PP e RP,
reproduzo abaixo nota de hoje do Portal da Propaganda (ainda não conhece e se cadastrou? Link ao lado...) sobre aspectos legais e éticos do buzz marketing (nos EUA). O tema gerou polêmica em umas das salas...

Alguns advogados especializados norte-americanos estão discutindo a integridade ética na prática de "buzz marketing". O debate gira em torno de duas questões principais: é mandatário revelar o uso da técnica enquanto ela está sendo executada e até que ponto o buzz marketing é eficaz num cenário em que as pessoas sabem que estão sendo alvo de tal forma de divulgação. A associação The Word of Mouth Marketing, que reúne empresas que operam essa prática, publicou recentemente um código de ética declarando que a organização está dentro das normas definidas pela Comissão Federal de Comunicação, a poderosa FCC. Enquanto isso, a BuzzAgent, uma das maiores agências do setor, afirma já estar informando o público quando realiza uma ação.

Nenhum comentário: